domingo, dezembro 10, 2006

As Claques (do futebol português)

Artigo de Opinião

As Claques (do futebol português)

Para fundamentar a minha opinião dentro de uma linha de coerência, seria preciso escreve-la sempre com duas linhas paralelas, porque as realidades assim o obrigam, se não vejamos como exemplo; numa primeira linha seria obrigatório falar das claques dos ditos clubes grandes, numa segunda linha e paralela, seria, e porque não falar das claques dos ditos clubes pequenos?

Depois, teria que ir ao “alimento” físico das claques, o dinheiro que gera os instrumentos de apoio, que é decisivo nas deslocações, etc. Nova realidade diferenciada entre os dois tipos de claques que atrás mencionei, teria que recorrer novamente a estratégia das linhas paralelas para não fugir da coerência que anseio.

De seguida entraria pela porta do “alimento” emocional, aquele que junta o amor a um clube com o amor ao desporto chamado de futebol, o “alimento” que me faz ir ao futebol e ter um lugar cativo num dos recentes estádios portugueses, e aqui também seria necessária a preciosa ajuda da estratégia das linhas paralelas, porque as realidades dos clubes são diferentes e porque estes patrocinam (ou não) as suas claques.

Depois, passaria por utilizar essas linhas paralelas numa divisão dos aspectos bons e dos aspectos maus, porque ambos seriam preenchidos.

Por último, diria que numa primeira linha de coerência, sou contra as claques, porque estão associadas à violência, à falta de desportivismo e até ao fenómeno do racismo, que afastaram multidões dos estádios.

Na segunda linha paralela, diria que, sou a favor das claques, cujo objectivo exclusivo seja ou é, apoiar a equipe do seu clube, claque essa constituída pelos amantes moderados do “alimento” emocional que aproveitam para conviver com os seus semelhantes em ambiente saudável e que ao domingo aproveitam para fazer uma excursão á terra do clube visitado, aproveitando para conhecer outras realidades geográficas e sociais.

1 comentário:

scp_slb disse...

Olá.....
Antes de mais agradeço o teres satisfeito o meu pedido e teres escrito algo sobre um tema que eu tanto adoro....
É um fenómeno de massas que aos poucos tento desmistificar.....
Eu concordo com as claques desde que as mesmas sejam utilizadas para os fins com que foram concebidas...apoiar o seu clube sempre...seja em casa seja fora....
Agora quando são usadas para tráficos...cenas de violência gratuita......e outras que tal....sou totalmente contra.....
Mas é um mundinho que eu adoro.....
bjos